Hapag-Lloyd começa a oferecer BL eletrônico para clientes no mundo todo

Foto: Divulgação / Hapag-Lloyd

Em um comunicado divulgado na última sexta-feira (10), a Hapag-Lloyd anunciou que, a partir de agora, passa a oferecer um sistema de BL eletrônico para a utilização de seus clientes no mundo todo.

O Bill of Lading (bem mais conhecido por aqui pelo seu apelido BL) é um dos documentos mais importantes do comércio exterior, sendo um ponto fundamental do transporte marítimo internacional. Para diminuir a quantidade de papel em circulação no mundo, nos últimos anos, a indústria tem debatido cada vez mais a substituição dos documentos físicos por versões eletrônicas.

Para isso, a Hapag-Lloyd anunciou parceria com o Wave BL, uma plataforma de blockchain que já é utilizada pela MSC e pela ZIM (que, por sua vez, é uma das investidoras do Wave BL). A empresa afirma que parceiros também podem utilizar versões eletrônicas para outros documentos importantes do comércio exterior.

“Ao usar a rede da Wave BL, o ato de imprimir, assinar e enviar documentos de papel irá chegar ao fim. A plataforma otimiza o fluxo da carga em uma estrutura digital baseada em blockchain, transferindo processos manuais para uma solução mais segura e automatizada, na qual armadores podem imprimir, possuir, transmitir e assinar documentos em questão de minutos”, disse o armador alemão no comunicado.

O BL eletrônico certamente é um avanço importante no sentido ambiental e também no quesito de segurança – considerando que plataformas de blockchain tendem a ser confiáveis. E, claro, é de se imaginar que será mais fácil evitar aqueles casos assustadores de “CADÊ O BL????”

No entanto, a coisa não é tão simples assim e ainda há um despreparo global para a utilização de documentos eletrônicos no comércio internacional: em 2017, a ONU lançou um modelo de legislação para o assunto mas, até agora, apenas Singapura e Bahrain as incorporaram em suas legislações domésticas de alguma forma, de acordo com os sites Shipping and Freight Resource e World Cargo News.

Para mais insights no assunto, vale ler esse artigo e ver esse vídeo curto (ambos em inglês).

Fontes: Hapag-Lloyd, Shipping and Freight Resource, World Cargo News

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s